...

Central de atendimento ao Técnico

0800 016 1515

Generic selectors
Somente resultados exatos
Buscar em títulos
Buscar no conteúdo
Post Type Selectors

CONHEÇA O CRT DA SUA REGIÃO:

MEC publica novo Catálogo Nacional de Cursos Técnicos

A nova versão do CNCT é totalmente digital e já está disponível para consulta no site do MEC

O Ministério da Educação lançou o novo Catálogo Nacional de Cursos Técnicos (CNCT), documento que disciplina a oferta de cursos de educação profissional técnica de nível médio para orientar as instituições de ensino,  estudantes, empresas e a sociedade. A nova versão do catálogo é totalmente digital e substitui o último catálogo, que estava vigente desde 2014.

A homologação do Parecer CNE/CEB nº 5/2020 da Câmara de Educação Básica (CEB), do Conselho Nacional de Educação (CNE), que aprova a proposta apresentada pela Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) para a 4ª edição do CNCT, se deu no último dia 15, pelo Ministro de Estado da Educação, Milton Ribeiro.

O novo catálogo é resultado de consulta pública promovida em junho deste ano, que recebeu mais de mil contribuições para a elaboração do documento. Além da atualização dos perfis profissionais, esta nova edição amplia as informações relativas à Classificação Brasileira de Ocupações (CBO), além de apresentar os pré-requisitos para o ingresso em cursos e também uma lista de termos para facilitar o entendimento do significado de conceitos utilizados na Educação Profissional, Científica e Tecnológica. Entre as principais modificações realizadas, o novo catálogo altera a denominação de 10 cursos e a carga horária de 19 deles, todos identificados por eixo tecnológico; muda o eixo de 3 cursos, indicando o anterior e o novo eixo tecnológico; e inclui 13 novos cursos técnicos e uma série de cursos técnicos na Tabela de Convergência, todos identificados por eixo.

Em palestra no Seminário Internacional dos Técnicos Industriais promovido pelo CFT no ano passado, a Diretora de Políticas e Regulação de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação, Marilza Machado, comentou o processo de atualização do CNCT e a sua importância para o ensino técnico e para o mercado. Segundo Marilza, no novo catálogo foram consideradas, com uma maior veemência, as demandas de realidade prática dos técnicos industriais.

Acesse o catálogo aqui: http://cnct.mec.gov.br/

Últimas notícias

CFT alerta sobre prazo para justificativa eleitoral

Profissionais habilitados que não votaram nas eleições do Sistema CFT/CRTs, em 2022, têm até 12 de fevereiro para justificar ausência de modo online e manter…
Ler mais...

CFT propõe integração com o Conselho de Química

Iniciativa fortalece os interesses dos técnicos Industriais e profissionais de química que atuam em diferentes áreas ligadas ao desenvolvimento social e econômico do Brasil.
Ler mais...

CFT capacita equipes de fiscalização do CRT-03

Projeto itinerante desenvolvido pela Diretoria de Fiscalização e Normas do CFT, treina equipes do regional que abrange os estados de Alagoas, Paraíba, Pernambuco e Sergipe.
Ler mais...

MEC publica novo Catálogo Nacional de Cursos Técnicos

A nova versão do CNCT é totalmente digital e já está disponível para consulta no site do MEC

O Ministério da Educação lançou o novo Catálogo Nacional de Cursos Técnicos (CNCT), documento que disciplina a oferta de cursos de educação profissional técnica de nível médio para orientar as instituições de ensino,  estudantes, empresas e a sociedade. A nova versão do catálogo é totalmente digital e substitui o último catálogo, que estava vigente desde 2014.

A homologação do Parecer CNE/CEB nº 5/2020 da Câmara de Educação Básica (CEB), do Conselho Nacional de Educação (CNE), que aprova a proposta apresentada pela Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) para a 4ª edição do CNCT, se deu no último dia 15, pelo Ministro de Estado da Educação, Milton Ribeiro.

O novo catálogo é resultado de consulta pública promovida em junho deste ano, que recebeu mais de mil contribuições para a elaboração do documento. Além da atualização dos perfis profissionais, esta nova edição amplia as informações relativas à Classificação Brasileira de Ocupações (CBO), além de apresentar os pré-requisitos para o ingresso em cursos e também uma lista de termos para facilitar o entendimento do significado de conceitos utilizados na Educação Profissional, Científica e Tecnológica. Entre as principais modificações realizadas, o novo catálogo altera a denominação de 10 cursos e a carga horária de 19 deles, todos identificados por eixo tecnológico; muda o eixo de 3 cursos, indicando o anterior e o novo eixo tecnológico; e inclui 13 novos cursos técnicos e uma série de cursos técnicos na Tabela de Convergência, todos identificados por eixo.

Em palestra no Seminário Internacional dos Técnicos Industriais promovido pelo CFT no ano passado, a Diretora de Políticas e Regulação de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação, Marilza Machado, comentou o processo de atualização do CNCT e a sua importância para o ensino técnico e para o mercado. Segundo Marilza, no novo catálogo foram consideradas, com uma maior veemência, as demandas de realidade prática dos técnicos industriais.

Acesse o catálogo aqui: http://cnct.mec.gov.br/